Archive

Posts Tagged ‘wals brut’

Wäls campeã da “Libertadores da América Cervejeira”

Troféu de Cervejaria do Ano - South Beer Cup

Troféu MElhor Cervejaria do Ano e os Sócio - e irmãos - José Felipe Carneiro e Tiago Carneiro

 A Cervejaria Wäls, de Belo Horizonte, foi eleita a Melhor Cervejaria do Ano de 2012 da América do Sul no The Great South Beer Cup durante o 4º festival da cerveja, em Blumenau, Santa Catarina. A cervejaria faturou três medalhas de ouro nos Estilos Pílsen (Wäls Bohemia Pílsen), Imperial Stout (Wäls Petroleum) e Especial (Wäls Brut).

Conhecida como a “Libertadores da América” da cerveja, a competição The Great South Beer Cup contou com centenas de cervejas competindo entre si. Participaram da disputa, as mais conhecidas cervejarias do Brasil, Argentina, Chile e Uruguai.

De acordo com José Felipe Carneiro, um dos sócios da Wäls, esse reconhecimento só aumenta a responsabilidade da empresa no mercado cervejeiro. “Estamos muito felizes, pois é a primeira vez que participamos da competição e já fomos reconhecidos como a melhor cervejaria. É um orgulho, pois só nos motiva a trabalharmos com mais garra, seriedade e competitividade”, diz.

As cervejas foram avaliadas em teste “cego” com um júri formado por 23 experts no assunto, entre sommeliers, produtores e membros do Beer Judge Certification Program (BJCP) – Programa para Formação e Certificação de Juízes de Concursos Cervejeiros – do Brasil, Estados Unidos, Chile e Argentina.

Conheça um pouco mais das cervejas que levaram as medalhas de ouro no The South Beer Cup.

Bohemia Pílsen – Cerveja dourada e translúcida, de baixa fermentação, sabor maltado e lupulado incomparável. Fiel representante do estilo Checo Bohemian Pilsener, preparada com dose intensa do tradicional lúpulo Saaz. Creme branco e aveludado compõe sua formação de espuma. 5 % álcool. Amargor 42 IBU´s

Wäls Brut – Cerveja do estilo Biére Brut. Elaborada através do tradicional método  champenoise. Complexa e delicada é produzida com leveduras de champagne. Coloração dourada e translúcida, aromas que remetem ao vinho branco e notas cítricas. Perlage fino e duradouro. Sofisticada e sedutora, passa nove meses maturando em cave. Refermentada na garrafa com 11% de álcool. Amargor 36 IBU´s

Wäls Petroleum – Cerveja do estilo Russian Imperial Stout. Produzida com diversos tipos de grãos escuros, corpo aveludado, licoroso e denso. Aromas complexos de chocolate belga, café, toffee e caramelo. Amargor equilibrado. Espuma de baixa formação e longa durabilidade. Receita desenvolvida pela cervejaria DUM do Paraná. Amargor 70 IBU´s

A Cervejaria Wäls

A Cervejaria Wäls foi fundada em 1999 pelo empresário Miguel Carneiro, pai dos atuais sócios José Felipe e Tiago Carneiro. Inicialmente, a cervejaria produzia chopp convencional para atender a demanda de uma rede de fast food. Em 2000, Tiago Carneiro ingressou na sociedade e, em 2005, foi a vez de José Felipe se juntar à empresa.

Foi a partir de 2008 que os empresários resolveram mudar o foco e passaram a produzir cervejas especiais. Atualmente, produzem oito tipos de cervejas (X Wäls, Bohemia Pílsen, Dubbel, Trippel, Quadruppel, Wäls Brut, Wäls Petroleum, Wäls Witte) e outras sazonais que são produzidas de acordo com a demanda da época.

A Cervejaria Wäls se destaca pela produção de cervejas artesanais, diferenciando-se das produções em larga escala. É especializada em produção de cervejas de origens Belgas e Checas, sendo a única do Brasil com conceito belga de produção. A filosofia da empresa é produzir cervejas com especiarias aromáticas, aromas mais frutados, paladar mais picante, rebuscado, texturas e cores diferenciadas. “O que produzimos é obra de arte”, costuma dizer José Felipe Carneiro.

Hoje a cervejaria produz em média 25 mil garrafas de cervejas especiais por mês. Em 2011, a fábrica produziu de 1 mil garrafas  de cervejas feitas pelo tradicional método champenoise. A expectativa é elevar a produção para 5 mil garrafas pelo tradicional método champenoise, até o final de 2012.

A maior parte da produção da cervejaria é distribuída nas regiões Sul e Sudeste, além do Distrito Federal. Os produtos podem ser encontrados em supermercados Premium e bares especializados.

 Fonte: Able Comunicações

Foto: Acervo Wäls Cervejas Especiais

Ceia de Natal e harmonizações – Programa Pão e Cerveja

Natal está chegando, todo mundo vira bonzinho para ver se ganha presentes e, quem sabe, poderá ser o último (fim do mundo em 2012?). Então que tal comemorar essa sua – esperamos que não – última ceia de natal com um cardápio diferente e harmonizado com cerveja?

O programa Pão e Cerveja – CBN/BH – que você pode escutar aqui – foi ao ar hoje com dicas diferentes de harmonizações e ceias de Natal. E com muita honra fui chamado para dar estas dicas e passar aqui para vocês as receitas de cada prato e suas respectivas harmonizações.

No cardápio:

-Bolinho de bacalhau

-salada cítrica de frutas, endívia e mexilhões

-Mole Pobllano e Kuba

-Rabanada de Stollen

No copo (respectivamente)

– Kölsch (Früh R$17,90 -Alemanha – Jambreiro Lebenskraft R$10,00- Minas Gerais); Weizenbier (Maisel Original -Alemanha- Falke Estrada Real Weiss – Minas Gerais)

– Bièrre Brut (DeuS R$179,00 – Bélgica -, Wäls Brut R$120,00 – Minas Gerais); Strong Golden Ale (Delirium Tremens R$ 17,90-Bélgica- La Guillotine R$17,90 -Bélgica)

-Dubbel (Wäls Dubbel R$13,00- Minas Gerais-, Westmalle Dubbel R$17,00 – Bélgica) Strong Dark Ale (Gouden Carolus Classic R$17,90 -Bélgica)

– Christmans Ale (Delirium Noel R$17,90 – Bélgica – Eisenbahn Weihnacht Ale R$10,00 – Santa Catarina)

Receitas:

Bolinho de Bacalhau

1 kg de bacalhau
Água, o suficiente para deixar de molho
Azeite de oliva, o suficiente
300 g de batata cozida e amassada
4 colheres (sopa) de amido de milho
Dentes de alho amassados, a gosto
50 ml de azeite de oliva extravirgem
2 colheres (sopa) de salsinha picada
Óleo quente, o suficiente
1 ovo


Modo de preparo

Para dessalgar o bacalhau, coloque-o de molho na água. Troque-a de três em três horas, por seis vezes. Em seguida, cozinhe o bacalhau e desfie-o. Deixe esfriar. Regue o bacalhau com o azeite de oliva e deixe descansar por 12 horas. Acrescente a batata e misture bem. Em seguida, acrescente, nesta ordem e sem parar de mexer, o amido, o ovo, o alho, o azeite e a salsinha, e misture até que fique homogêneo. Unte as mãos com um pouco de azeite e modele os bolinhos. Frite-os no óleo quente.

salada cítrica de frutas, endívia e mexilhões

Esta salada você pode ver a receita aqui. No caso, só trocar o surubim pelo mexilhão e acrescentar as endívias

Mole Pobllano e Kuba

1 peru

2 dl de vinho branco

3 dl de água

1 folha de louro

4 cravos

sal q.b.

10 g de sementes de coentros

10 g de erva doce

20 g de gergelim

20 g de amendoins torrados

40 g de amêndoas sem pele

1 dente de alho picado

3 colheres de sopa de azeite

5 malaguetas

40 g de passas de uva

1 cebola

1/2 pau de canela

50 g de tomate maduro descascado e sem sementes cortado aos cubos

250 ml de caldo do cozimento do peru

40 g de chocolate amargo

No dia anterior, corte o peru em pedaços, retire-lhe a pele e cozinhe no vinho branco com a água, a folha de louro, o crao e um pouco de sal, cerca de 20 a 30 minutos, reserve.

Numa frigideira, torre ligeiramente as sementes de coentro, a erva doce, o gergilim, as amêndoas, os amendoins e o alho picado.

Noutra frigideira, coloque o azeite e refogue a cebola picada com as malaguetas sem sementes, o pau de canela e as passas de uva.

Num liqüidificador, coloque 250 ml do caldo do peru, adicione o conteúdo das duas frigideiras, retirando o pau de canela e triture juntamente com o tomate maduro.

Passe esse molho para um tacho e deixe levantar fervura, adicione o chocolate ralado e mexa para derreter, adicione o frango e deixe levantar fervura de novo mexendo com uma colher de pau para não pegar, tape e deixe repousar até ao dia seguinte.

No dia seguinte ponha de novo o tacho e leve para aquecer, mexendo frequentemente para não queimar.

Kuba

1 xícara e meia de cevada ( se não achar cervada, pode usar malte cevada)

1 xícara e meia de cogumelos secos

7 xícaras de água

2 colheres de chá de sal

1 pitada de pimenta do reino

2 dentes de alho picados

1 cebola picada

3 colheres de sopa de manteiga

1 colher de chá de manjericão

Refoga-se a cebola sem deixar queimar. Hidrate os cogumelos e juntam-se à cebola. Acrescenta-se a água e o manjericão. Cozinha-se em fogo brando mexendo sempre até que a água se evapore. A mistura deve ficar espessa. Junte a cevada e termine o cozimento no forno. De 30 a 40 min.

Rabanada Stolen

Stolen

3 ovos inteiros
125g de açúcar
125g de farinha de trigo
125g de avelãs cortadas em pedaços grandes
125g de figos secos cortados em pedaços grandes
125g de frutas secas picadas (damasco, laranja, ameixa)
250g de uvas passas brancas e pretas
60g de amêndoas cortadas ao meio (comprimento)
1 pitada de canela em pó
3 colheres (sobremesa) de fermento em pó

Bater em batedeira os ovos com o açúcar até ficar bem cremoso.
Em outra tigela peneirar a farinha de trigo, a canela e o fermento. Acrescentar as frutas secas, as amêndoas e as avelãs.
Misturar delicadamente aos ovos batidos.
Colocar em forma retangular, tamanho bolo inglês, forrada com papel manteiga e untada.
Asse em forno pré-aquecido (160 graus)

1/4 de litro de leite
3/4 de xícara (de chá) de açúcar
1 envelope de açúcar vanile
5 ovos
1/4 quilo de manteiga
Stolen amanhecido

Modo de preparo:

Aqueça o leite juntamente com o açúcar e o açúcar vanile. Bata os ovos como para omelete. Mergulhe as fatias des tolen no leite, deixando umedecer bem, mas sem amolecer demais. Passe a seguir pelo ovo batido.
Aqueça a manteiga (2 a 3 colheres das de sopa de cada vez) em uma frigideira. Quando estiver quente (no momento em que para de frigir) frite as fatias de pão, colocando 3 a 4 fatias de cada vez. Doure dos dois lados. Coloque-as em papel toalha.

Sirva com sorvete ou fruta em calda!

Boas Festas e, se beber, não dirija! BEBA MENOS E BEBA MELHOR!

Aniversário de 1 ano #Promo

image

Depois de muitas informações, cervejeiras e algumas discussões, o Blog estará comemorando seu primeiro ano de vida. E para agradecer os leitores, quem ganhará o presente será você,leitor.
Toda comemoração pede um dia especial, pessoas especiais e bebidas especiais. Em parceria com a Wäls Cervejas Especiais, o Gastrobirra sorteará uma das mais aclamadas cervejas, a Wäls Brut – cerveja em estilo champenoise .
E como de praxe,todo aniversário deve ter velinhas e pedido no final, conte-me qual o pedido que você faria ao Gastrobirra para ganhar essa belíssima cerveja?
O melhor pedido levará esta linda cerveja no dia 17 de junho.