Arquivo

Posts Tagged ‘Imperial Stout’

Do Copo Pra Panela – trufas de imperial stout

Pensando nos eventos de harmonização, onde sempre uso em algum dos pratos a cerveja como ingrediente, e nas pessoas que frequentam os eventos, começo agora a sessão Do Copo Pra Panela.

Como adepto do estilo punk faça você mesmo, resolvi fazer o presente de páscoa. O escolhido foram trufas de chocolate – chamadas assim por parecerem com os fungos comestíveis conhecidos pelo mesmo nome – que levou na receita uma cerveja do estilo Imperial Stout, que trouxe para a receita as principais notas da cerveja, como o tostado, leve herbal do lúpulo, leve álcool – que poderá ser melhor percebido nas cervejas de maior potência alcoólica – e potencializando a sensação de picancia do cacau e chocolate amargo do doce.

Receita:

1kg de chocolate meio amargo

200g de creme de leite

100g de manteiga sem sal

70ml de cerveja Imperial Stout

1 xícara de cacau em pó

Mode preparo:

Com uma faca, corte o chocolate e separe em duas partes iguais.

Em um bowl em banho-maria – cuide para não encostar o fundo do bowl na água quente -, derreta uma parte do chocolate. Em seguida misture o creme de leite e a manteiga. Depois, junte a cerveja aos poucos, mexendo bem para homogenizar.

Leve para a geladeira a mistura, deixando descansar por 10 horas.

Com a ajuda de uma colher, faça bolinhas – elas ficaram irregulares por conta da textura da pasta.

Derreta a outra parte do chocolate em banho-maria. Deixe esfriar um pouco e banhe as bolinhas com a ajuda de um garfo. Escorra a cobertura, deixe secar e passe no cacau em pó. Leve para a geladeira por 1 hora.

Acompanhe com a cerveja do mesmo estilo usado na trufa. Bom apetite!

Anúncios

Bierland Imperial Stout

Após dias incomodando o amigo Paulo “Feijão”, sommelier de cervejas da Bierland, ele fez uma visitinha à Floripa e me deixou uma garrafa da mais nova criação da cerveja, a Imperial Stout.

O estilo Imperial Stout surgiu como muitos outros estilos, países que não tinham cervejas como cultura, indo à países com vasta cultura cervejeira e pedindo cervejas para ser consumida em seus países. Catherine II – condessa da Rússia – em uma de suas viagens a Inglaterra, provou a típica Stout da região  e ao voltar para a Rússia pediu barris desta cerveja para serem levados. Ao chegarem a Rússia, a cerveja acabou não aguentando a viagem.

Após este incidente, a condessa pediu para que a cerveja fosse reformulada para aguentar sua viagem entre os dois países. A cerveja ganhou mais corpo e álcool, para que chegasse sem problemas à Rússia e não congelasse no meio da viagem. Este tipo de cerveja acabou sendo batizada como Imperial Stout ou Russian Imperial Stout. A Imperial Stout é uma cerveja robusta, com alto índice alcoólico e com notas destacadas de torrefação.

A Bierland – cervejaria artesanal de Blumenau – contando com a ajuda de seu sommelier de cervejas elaboraram uma Imperial Stout para suprir o mercado cervejeiro – que esta cada vez mais exigente – e ainda por cijma esquentar o frio de Santa Catarina.

Durante a correria de TCC/Estágio, em um momento de reflexão e descanso pude provar esta nova cria e que deixou muito contente. Uma cerveja não muito robusta como as demais encontradas no mercado – ao meu ver o único “defeito” da cerveja – conta com gostos e aromas atraentes. No nariz pode-se sentir aromas de torrado lembrando café, lúpulo herbal, leve adocicado e frutado – passas. Na boca a torrefação toma destaque, juntamente com o lúpulo herbal e com retrogosto frutado e leve adocicado lembrando melaço. O álcool de 7% acaba dando impressão de volume, trazendo leve aquecimento na boca.

A Bierland mandou muito bem ao produzir este estilo e trazer uma nova opção para as nossas prateleiras. Com um ótimo drinkability fará sucesso do mais exigente ao que esta apenas começando no mundo das cervejas. E a Bierland esta preparando mais algumas pequenas novidades e agora com duas medalhas  no Australian Beer Awards  fara mais sucesso no mercado.  Tenho orgulho de ser Catarinense e ter uma cervejaria diferenciada das demais do estado e com tanta qualidade.

PS: desculpem a má qualidade da foto, mas como a câmera da namorada foi roubada, a foto foi batida com celular;